Jogos brasileiros no Steam e no Splitplay

Como todos já sabem, o Splitplay é a primeira loja online exclusiva de jogos Brasileiros! E diversos desses jogos também estão disponíveis no Steam.

Como o Splitplay é uma loja nacional, os desenvolvedores brasileiros preferem dar descontos e colocar um preço mais baixo no Splitplay do que em outras lojas internacionais como o Steam.
Então pode confiar que sempre que encontrar um jogo Brasileiro no Steam, ele estará mais barato no Splitplay!
E tem mais: Quando você compra um jogo no Splitplay que está no Steam, você pode receber uma Steam Key e ativar seu game na loja da valve!

 

O que é bom tem que ser visto, então fiquem de olho no Blog Splitplay!

Splitplay Loja | Splitplay facebook | Splitplay Twitter | Splitplay Tumblr

Para os últimos lançamentos do site e novidades!  

Conheça o que é o Splitplay além do blog!

O que a E3 mostrou sobre os maiores indies internacionais

Todo gamer que se preze perdeu algumas horas de suas noites de sono para ver as apresentações da E3, que ocorreu agora no princípio de Junho. Sendo um dos eventos mais esperados pela comunidade nerd mundial, a E3 sempre causa uma longa repercussão nos meses a seguir. Milhares de pessoas começam a sonhar com os novos jogos que ficarão disponíveis e já imaginam seus personagens batalhando e realizando feitos épicos. (Eu especialmente estou alucinado com Dragon Age III: Inquisition).

Mas, além das mega empresas mostrando suas garras e lançando super produções milionárias, o que nós podemos destacar nessa E3? A força dos indies. Tanto a Microsoft quanto a Sony apresentaram o quanto as produtoras independentes se tornaram uma parte fundamental dos planos dessas empresas.
Continue reading…

Transistor – Bloco por bloco, byte por byte

A paisagem ao seu redor é de uma cidade moribunda. Cloudbank está se tornando um nada, uma sombra do que era. Aos poucos ela é apagada por robôs brancos chamado de Process. Bloco por bloco, byte por byte. Você escuta uma voz. Não é a sua. Apesar de ter sido uma estrela, uma renomada cantora, você já não consegue mais cantar. A voz vem de uma espada. Transistor.

Clique no Leia Mais para ver tudo.
Continue reading…

Minecraft – as funcionalidades além do jogo

Provavelmente, toda a comunidade gamer já ouviu falar de Minecraft. Entendemos que muitos podem não ter jogado, mas pelo menos sabem do que se trata. Se você estava escondido em uma caverna nos último anos, não se preocupe. O básico do jogo é o seguinte:

Minecraft é um jogo que envolve quebrar e posicionar blocos. Quando começa a jogar, você irá coletar materiais para construir estruturas que irão lhe proteger de ameaças noturnas. Porém, o jogo realmente se torna interessante quando jogadores se unem para criar estruturas fantásticas, castelos magníficos ou qualquer coisa que eles são capazes de imaginar.

Você também poderá se aventurar pela diversas regiões que o jogo apresenta, enfrentando monstros ou buscando paisagens únicas. Simples não? O jogo é totalmente feito em “blocos” como um gigantesco mundo de Lego. Apesar de soar bobo, é extremamente divertido e viciante.
Continue reading…

Como deixar seu jogo profissional

Sim, jogos indie são profissionais, eu sei. O título foi realmente para provocar. Provocar e responder à aquelas caras de interrogação que você sempre recebe quando um leigo vem e pergunta o que você está jogando. Ai você fala o nome do jogo (que ele não conhece), o nome da empresa (que ele não conhece) e escuta: “mas por quê você não joga Diablo 3?”

Mas o que eles não sabem é que alguns jogos independentes são mais “profissionais” que aqueles produzidos por mega estúdios como a Blizzard e a Ubisoft. Desenvolvedores independentes conseguem produzir obras-primas por não estarem focados somente no sucesso de vendas e no dinheiro dos jogadores.

Clique no Leia Mais e saiba de tudo.
Continue reading…

Como o Splitplay já está ajudando a melhorar o mercado Brasileiro de jogos indies

Esse vai ser um pequeno post que gostaria de compartilhar com vocês.

Nós ficamos muito felizes de ver que a mudança que estamos querendo e a melhora que procuramos para nosso mercado já está acontecendo em pequena escala, mesmo com a pequena divulgação que ainda estamos fazendo.
Nos deparamos com esses exemplos essa semana e achei que seria legal compartilhar, clique em Leia Mais para ver tudo !
Continue reading…

Como PewDiePie Dominou o Youtube e se Tornou o Gamer Mais Famoso do Mundo

Você poderia imaginar que o canal de um gamer no Youtube teria mais subscribers do que o canal de astros pop como Rihanna e Justin Bieber? O sueco PewDiePie tem! Atualmente com 25 milhões de subscribers, Felix Kjellberg é o dono do segundo maior canal do Youtube – que provavelmente irá tomar a primeira posição em algumas semanas. Enquanto Rihanna tem 12 milhões de subscribers e Justin Bieber conta com 8 milhões, o jovem sueco conquistou 1.5 milhões de novos assinantes e 212 milhões de views em 30 dias.

Continue reading…

SplitList: Jogos Mais bonitos de todos os tempos

Em Março de 2013, a sempre sábia Marta Suplicy, então Ministra da Cultura do Brasil, aprovou o vale-cultura, um incentivo do governo federal para que o grande público consumisse peças culturais – como cinema, exposições de esculturas e pinturas, dentre outros. A indústria de games fez um pedido à ministra, propondo que jogos também fosse contemplados pelo novo benefício e Marta, conhecida por frases de profunda sabedoria, agraciou o país com mais uma: “Vídeo-games não são cultura.”

Continue reading…

SplitList : 13 Incríveis Jogos Indies Brasileiros pra jogar em 2014!

No nosso post anterior, 8 Incríveis Jogos Indie Para Ficar De Olho Em 2014!, nós citamos alguns jogos indies imperdíveis para esse ano. A repercussão do post foi tão boa que decidimos fazer outro, dessa vez focando em 12  Jogos Indies Brasileiros Incríveis que vocês também não podem perder de maneira alguma em 2014!

Clique no Leia Mais e confira : Continue reading…

Twitch Plays Pokemon – A crônica do pássaro salvador e da raposa flamejante

A Internet é um mundo maravilhoso que nos apresenta as mais variadas bizarrices. Uma das maiores provas disso é o stream Twitch Plays Pokemon. Para quem ainda não sabe dessa loucura que vem acontecendo nos últimos 13 dias (22 horas e 34 minutos – tempo exato de jogo enquanto este texto estava sendo escrito) vai uma explicação básica: Twitch Plays Pokemon é o jogo de GameBoy, Pokemon Red de 1998, sendo emulado em um computador e transmitido (via um programa chamado Twitch) para as massas.

Todos aqueles que sintonizam no canal podem digitar os comandos do jogo no chat – cima, baixo, direita, esquerda, A, B e start- e o personagem irá fazê-los. Ou seja, você digitar “cima”, o personagem anda para cima. Você digita “start”, o jogo pausa e abre o menu principal. Simples não, é? Nem tanto. Apesar do programador australiano que criou o jogo dizer que só esperava cerca de 300 pessoas simultâneas (o que, para mim, já seria o caos), Twitch Plays Pokemon atingiu picos de 70,000 mil pessoas digitando comandos diversos, muitas vezes contraditórios.

Mas se pensarmos no Teorema do Macaco Infinito, alguma coisa boa sairia disso.

E a Internet não nos decepcionou, confira tudo no Leia Mais !

Continue reading…

SplitList : 8 incríveis jogos indie para ficar de olho em 2014!

2013 foi um ano excepcional para o mundo dos games indie. Títulos como Gone Home, The Stanley Parable e Guacamelee fizeram muito sucesso e mudaram a definição do que um jogo é. Além disso, plataformas como a Steam Greenlight e a ID@Xbox começaram a dar frutos e a Sony dedicou uma parte da conferência deles na E3 para que 8 desenvolvedores indie apresentassem seus jogos no palco. Alguns dos jogos apresentados conseguiram avaliações melhores do que títulos lançados por grandes publicadoras!

O Brasil também foi muito bem representado com jogos excelentes como Oniken, Knights of Pen & Paper e Damned (sério, não deixem de ver esses incríveis jogos brasileiros!)

Ok, o que esperar de 2014, então? O ano já começa com inúmeras promessas, por isso vamos listar algumas que você não pode deixar de jogar, clique no Leia Mais e descubra !

Continue reading…

Crowdfunding: Será essa a solução para você lançar seu jogo?

Tipicamente, os jogos são financiados por grandes publishers ou são financiados pelos próprios desenvolvedores independentes, tirando dinheiro do próprio bolso. Em alguns casos, o dinheiro pode vir de um incentivo governamental (o que está se popularizando devido aos programas de investimento a start-ups que tem surgido nos ultimos anos, mas ainda não é muito comum no Brasil)

Porém, nem todo desenvolvedor independente terá capital para investir no trabalho. A solução, porém, pode ser mais simples do que se pode imaginar, clique no Leia Mais e descubra !

Continue reading…

Flappy Bird

Flappy Bird – Entenda o fenômeno e as consequências!

Flappy Bird

Crie um jogo. Um que seja infinito, sem uma linha de chegada ou último chefe. Se inspire nas características dos clássicos (mas nunca as copie!) e deixe-o difícil, insanamente difícil, praticamente impossível de ser jogado. Essa foi a receita de sucesso de Flappy Bird, o jogo que teve uma carreira curta, porém estelar. Saiba mais sobre ele, aqui no blog da Splitplay!

Continue reading…